COMO INVESTIR EM AÇÕES AMERICANAS

como_investir_em_ações_americanas

Como Investir em ações americanas

Com essa crise política e econômica atual aqui no Brasil, muitos leitores têm demonstrado receio em investir.

A bolsa de valores oscila como nunca, com altas e baixas enormes de um dia para o outro, simplesmente pela divulgação de boatos e notícias que podem mudar o rumo do país a qualquer momento. Ver seu patrimônio derreter em questão de dias não é para qualquer um.

O Tesouro Direto, tido como o investimento mais seguro do país, tem sido alvo de opiniões contrárias. Não são poucos que acreditam que seja provável um calote por parte do governo.

Os imóveis físicos, sempre vistos como um porto seguro, têm sofrido grande desvalorização, e proprietários que compram para receber aluguéis têm enfrentado grandes dificuldades para encontrar (e manter) inquilinos que paguem em dia.

A consequência disso é a grande quantidade de investidores preocupados com o futuro e nem todos querem (ou podem) arriscar um dinheiro que nem sabem se dará retorno.

Na minha opinião, a melhor maneira de se proteger disso é por meio da diversificação.

Sempre batemos na tecla de que isso é fundamental para qualquer investidor, mas muitos acabam querendo encontrar aquele investimento que triplicará o capital em poucos meses. Isso pode acontecer, mas é altamente arriscado.

Para aqueles que estão descrentes com o futuro do Brasil, sugiro que comecem a estudar como proteger seu dinheiro de outras maneiras, como o dólar.

guia_invest

Por que o dólar?

Quando ouvimos falar que “o dólar subiu”, na verdade, isso significa que foi o real que se desvalorizou perante o dólar.

A moeda norte-americana é a base para todas as outras moedas do mundo, e ela pouco oscila, visto que os Estados Unidos têm juros baixíssimos (atualmente em 0,5% ao ano).

E qual a consequência disso?

Quando mantemos um valor em dólar, daqui a 10 anos, ele terá um valor bem próximo do atual, enquanto o real estará sujeito ao mercado interno e externo.

Isso significa que devemos investir todo nosso dinheiro em dólar?

É claro que não (lembre-se: diversificação), mas acho importante ter alguma parcela do patrimônio nesse investimento para o caso de “dar tudo errado aqui”.

Como investir em dólar?

Existem diversas maneiras de se investir em dólar, e as mais conhecidas são:

– Dólar em espécie
– Fundos cambiais (fundos de investimento que aplicam em moeda estrangeira)
Mercado futuro (contratos de dólar e ouro na Bovespa)
Forex (mercado financeiro internacional de moedas)

Desses acima, o que considero mais prático é o investimento por fundo cambial, pois requer menos conhecimento, tem boa liquidez e costuma acompanhar de perto a cotação. No entanto, não são todas as corretoras que oferecem esse tipo de fundo e alguns cobram taxas de administração mais altas.

Um problema que vejo em comprar dólar em espécie é ter uma grande perda logo de cara no spread das casas de câmbio: por exemplo, supondo um dólar a 3,80, a casa cobra 4,00 para vender a você e oferece compra por 3,60, se você é quem está vendendo. Outro problema é ter um lugar seguro para guardar.

Mercado futuro e Forex já são opções de risco mais elevado, pois você precisa conhecer muito bem esses mercados e entender a dinâmica deles. A maioria dos negociantes são especuladores, então a volatilidade aqui é enorme. Podem ser boas opções para quem estudou e sabe o que está fazendo, mas não é aconselhável para iniciantes.

Todas essas questões me levou a pesquisar outras possibilidades e, no site de meu amigo Viver de Dividendos, que acompanho há cerca de 2 anos, vi que ele encontrou uma maneira muito interessante de fazer esse tipo de investimento.

Ele já investia em dólares, investindo em ações americanas, mas fazia as transações para uma corretora norte-americana por transferência bancária direta, cujo custo era muito elevado. Mas, recentemente, ele começou a investir de uma maneira muito mais simples e acessível a todos!

Veja no vídeo que gravei com ele como enviar seu dinheiro para uma corretora norte-americana em poucos dias, com custo baixíssimo e quase nenhuma burocracia. Em pouco tempo, você terá uma parcela do seu capital protegida em dólar e, até mesmo, em grandes empresas americanas, como Apple, Google, Disney, Nike.

Conforme falei no vídeo, caso queira saber mais sobre como funciona os bitcoins, temos o artigo em que o Edson entrevista o diretor da Bitcointoyou e apresenta 3 plataformas para se investir em bitcoin.

Também temos os excelentes artigos do Viver de Dividendos na parte de bitcoins do próprio site dele.

Caso você tenha qualquer dúvida ou, se já compra dólar de alguma forma e deseja compartilhar, deixe um comentário!

Grande abraço!

Vitor Hernandes

  • Oziel Soares

    Henrique, parabéns pelo Post e continue escrevendo boas matérias como esta!

  • Fala, Oziel!

    Obrigado pelo elogio!

    Já começou a investir em algo?

    Grande abraço!