Sobre Jornada do Dinheiro

A iniciativa do site Jornada do Dinheiro surgiu quando nós quatro (Edson Ichihara, Guilherme Fellet, Leonardo Batistella e Vitor Hernandes) fazíamos um curso on-line sobre educação financeira.

Em 2014, fizemos a inscrição para participar desse curso, que abriu diversos caminhos e conceitos em nossas mentes, mas sentíamos que ainda faltava algo. Muitos colegas que fizeram esse curso sentiram essa mesma necessidade que todo estudante busca: orientação e suporte do professor.

Embora já tivéssemos um prévio conhecimento sobre alguns assuntos abordados, outros ainda pareciam um pouco nebulosos. E foi aí que sentimos falta de um acompanhamento mais próximo de quem estava ali ensinando. Sabemos que somente aulas não são o bastante para o aperfeiçoamento do aprendizado. É necessário participação, tanto dos alunos quanto do professor.

E foi pensando nisso que decidimos criar nosso próprio plano de ensino. Depois de muito estudarmos, tanto em outros cursos quanto de forma autodidata, unimos nosso conhecimento com o objetivo de disseminar a educação financeira em nosso país. Porém, não apenas conteúdo jogado de qualquer maneira. Queremos oferecer também nossa ajuda, respondendo dúvidas, aceitando sugestões e trocando conhecimento com nossos próprios leitores.

A educação formal de nosso país carece muito de educação financeira. Nossa intenção é trazer esse aprendizado de forma simples e prática para você, iniciante.

Chega de passar sufoco todo mês com o orçamento apertado e sem dinheiro para guardar para seus objetivos mais importantes: seus sonhos.

Queremos que você possa acordar todos os dias com o pensamento de que está cada vez mais perto de alcançar tudo aquilo que deseja. Você não quer passar o resto de sua vida trabalhando para pagar dívidas acumuladas de meses e meses. Você quer e merece um futuro mais tranquilo, mais feliz, mais livre, mais independente.

O que você busca é a independência financeira. É ela que dá a você o poder de escolha. A possibilidade de escolher trabalhar, não porque precisa pagar contas, mas trabalhar por prazer, trabalhar para fazer a diferença na sua vida e na vida de outras pessoas.

É essa jornada que estamos buscando e trilhando. Cada dia que passa, estamos mais próximos desse objetivo, assim como os milhares de leitores que nos acompanham todos os dias.

Juntos somos capazes de superar as barreiras mais difíceis e conquistar os nossos sonhos.

E você? Quer trilhar conosco essa Jornada do Dinheiro?

A Equipe

Guilherme Fellet

Sou carioca, tenho 38 anos e sou formado pela UFRJ em Desenho Industrial - Programação Visual. Hoje em dia, trabalho com marketing digital, direção de arte e mídias sociais.

O Jornada do Dinheiro está sendo como um filho, crescendo, se desenvolvendo, ajudando milhares de pessoas e melhorando suas vidas. Isso simplesmente não tem preço e, como dito acima, é a nossa missão.

Ironicamente, eu não era nem um pouco atento com a minha vida financeira e não tinha controle do que entrava ou saía da minha conta (saía mais dinheiro do que entrava...).

Tudo isso mudou radicalmente com um telefonema: minha namorada me dizia que eu seria pai. Essa declaração me deixou eufórico, pois sempre quis ser pai, mas, ao mesmo tempo, caí em mim e percebi a tremenda responsabilidade que tinha por uma nova vida.

Eu precisava mudar... Sabia que teria que resolver minhas questões e encarar meus problemas de uma forma madura e realista. A partir disso, resolvi revolucionar minha vida e me esmerei em pagar minhas dívidas, controlar minhas finanças pessoais e aprender a investir meu dinheiro de forma correta.

A busca por conhecimento tinha se tornado uma verdadeira obsessão. Eu lia tudo o que caía na minha mão relacionado ao tema e, sim, investi pesadamente em conhecimento: cursos, livros, seminários, etc.

Quando me dei conta, já era um outro homem. Minha filha nem tinha nascido e já tinha me moldado profundamente. (Tenho que me lembrar de dizer isso a ela daqui a uns 20 anos...)

Em um desses cursos, conheci o Edson, o Vitor e o Léo, e tivemos a ideia de iniciarmos um projeto que poderia ajudar as pessoas de uma forma melhor, mais simples e mais completa do que o curso que fizemos.

Nascia o Jornada do Dinheiro.

O conceito era tão apaixonante que, em poucos meses, já estava no ar e fomos, aos poucos, conquistando uma audiência que nunca imaginaríamos alcançar.

Agradeço principalmente a você que está lendo essas linhas.


Leonardo Batistella

Olá, como vai? Me chamo Leonardo Batistella, sou gaúcho, tenho 30 anos e sou co-fundador do site Jornada do Dinheiro.

Atualmente, sou advogado, coach, investidor, empreendedor e Presidente de Federação da Associação dos Jovens da Seicho-no-ie do Brasil.

Possuo inúmeros cursos na área do direito, sendo o principal deles de Pós-graduação em Direito do Trabalho, Processo do Trabalho e Direito Previdenciário pela Universidade de Santa Cruz do Sul - UNISC.

Sou formado em coach pela Sociedade Brasileira de Coaching, uma das melhores instituições existentes hoje no país e na América Latina.

Um fato curioso é que, mesmo antes de me tornar um investidor na prática, justamente na época de colégio, lembro que durante um ano eu fiquei aficionado pelo mercado de ações.

Tínhamos um daqueles computadores pré-históricos com Windows 95 e conexão de internet pela linha do telefone (quem é da época sabe do que estou falando), e durante esse ano fiz vários cursos gratuitos e estudei muito sobre o funcionamento do mercado de ações na bolsa.

Todavia, por eu ser menor de idade e sem dinheiro próprio para investir, acabei deixando de lado esse intento.

Mais tarde, retomei então os meus estudos na área financeira. Foi quando conheci Vitor, Guilherme e Edson, meus sócios no Jornada do Dinheiro.

Enquanto investidores e estudiosos sobre investimentos, sabíamos que no Brasil ainda faltava algo que direcionasse os investidores iniciantes para o rumo certo. E não apenas os investidores, mas a educação financeira do brasileiro como um todo deixa muito a desejar.

Nesta mesma sintonia de pensamentos, decidimos então fundar o Jornada do Dinheiro e oferecer esse conhecimento e experiências para milhões de brasileiros.

Se algo fará com que o Brasil mude e que os brasileiros tenham prosperidade em suas vidas, certamente isso se inicia pela educação, no nosso caso, a financeira.

Este é o nosso compromisso social.


Vitor Hernandes

Sou paulistano, tenho 26 anos e sou bacharel em letras pela USP.

Trabalho há 6 anos como tradutor, mas também já fui professor de inglês. Porém, eu pensava que dar aula “não era para mim”. Sempre fui tímido e não gostava muito de me comunicar com as pessoas. Nem mesmo fiz licenciatura durante a faculdade, pois eu estava convicto de que nunca seria professor.

Ironia do destino, não é mesmo? Aqui estou, ensinando. E não ensinando português, inglês ou tradução. Agora, ensino educação financeira e tenho outro conceito sobre o que é ser professor e o que é ser aluno.

Todos nós somos professores e todos somos alunos. Afinal, aprendemos algo novo todos os dias e também sempre temos algo a ensinar, seja para nossos filhos, amigos, colegas…

Comecei no mercado financeiro em 2011, quando quis me aventurar na bolsa. Inclusive, tenho este artigo que mostro como pode ser desastroso fazer algo sem ter conhecimento.

Aprendi muita coisa e também errei muito tentando por conta própria, pesquisando pela internet e fazendo cursos. Passei a estudar todos os dias sobre educação financeira e investimentos e percebi que não era tão difícil assim. Só requer disciplina.

O grande problema é as pessoas acharem que não têm tempo ou dinheiro para isso, e a nossa intenção aqui no Jornada do Dinheiro é provar que elas estão erradas e ajudá-las a aprender independentemente das dificuldades.

Transformar a vida pode ser doloroso no início, mas com certeza nos proporcionará um futuro muito melhor. Vamos juntos?