CARTEIRA INTERNACIONAL DO JORNADA – 08/03/2019

Muitos investidores pensam em investir no exterior, mas acham que não vale a pena, seja por custos muito altos ou por dificuldades operacionais.

Por isso, antes de se decidir, sugiro a leitura do artigo “Vale a Pena Investir em ETFs no Exterior?”.

Também decidi criar a Carteira Internacional do Jornada para simular um investidor começando com 10 mil reais e aportando 1 mil reais todo mês.

Uma vez por mês postarei a atualização da carteira para verificarmos o progresso. Assim, farei o novo aporte de 1 mil reais e somarei também os rendimentos recebidos dentro de cada mês.

O objetivo da carteira é focar em aumentar a renda passiva. A valorização do portfólio é secundária, principalmente no curto prazo, no qual as cotações têm suas aleatoriedades.

Além disso, a carteira é para longo prazo, mas isso não significa que não venderei ativos quando achar necessário, seja por perda de fundamentos ou por preços esticados demais.

Repare que a data da carteira consta como 08/03. Isso porque foi a data da montagem dela no vídeo que publiquei no YouTube. Assista o vídeo:

Portanto, a carteira foi montada com 10 mil reais, divididos em 5 ETFs no exterior, com cerca de 2 mil reais em cada.

Então, começamos o nosso portfólio da seguinte maneira:

Carteira Internacional do Jornada – 08/03/2019

É importante ressaltar que os ativos da carteira não são indicações de compra ou venda. São apenas ativos que gosto e tenho em minha própria carteira.

Nos próximos vídeos e artigos, falarei sobre cada um dos ETFs para que você conheça as principais características deles.

Veja também a Carteira de Ações do Jornada.

Agora quero saber de você! Já está investindo no exterior? Que ativos você tem em sua carteira? Quais você não teria? Deixe seu comentário!

Até a próxima atualização! Grande abraço!

Vitor Hernandes